Nos siga no Instagram! TOP 5: coisas para se fazer em um dia de tédio Desventuras em Série #1: Mau Começo - Lemony Snicket Resenha #229: Era dos Extremos - Eric J. Hobsbawm
0

Resenha #290: Alerta de Risco - Neil Gaiman

Título: Alerta de Risco
Autor: Neil Gaiman
Tradução: Augusto Calil
Editora: Intrínseca
Edição: 1
ISBN: 9788551000304
Gênero: Contos
Ano: 2016
Páginas: 304
Adquira seu exemplar Aqui!
Adicione esse livro ao Skoob.

Avaliação:



RESENHA

Alerta de Risco reúne grandes histórias curtas da carreira do autor britânico Neil Gaiman. São 24 histórias, algumas no gênero conto e outras trazidas em forma de poemas que, de alguma forma, tem o objetivo de navegar pelo universo sombrio e desconhecidos, sejam da mente ou até mesmo de um novo universo paralelo.

Aqui, encontramos um reconto do conto de fadas 'A Bela Adormecida', com direito a uma princesa acordando outra, quebrando estigmas e preconceito sobre a figura masculina e toda a questão do patriarcado. Também encontramos 'A verdade é uma caverna nas montanhas negras', conto do Gaiman (já publicado pela intrínseca em uma edição ilustrada) sobre a busca de um tesouro e os mistérios que uma caverna pode guardar. Em 'Cão Negro', é a vez de revisitar o universo criado em 'Deuses Americanos'. No conto 'Caso de morte e mel', o autor explora outro gênero inspirado nas histórias de Sherlock Holmes. 'O Homem que esqueceu Bradbury ' é uma bela homenagem ao autor Ray Bradbury.
Sinceramente, não gostei tanto dessa antologia, principalmente porque o que gosto em histórias é que elas me envolvam e aqui isso não aconteceu. Eu li os enredos e não conseguia me apegar nem a personagens e nem aos mistérios em torno deles. Muitas vezes até senti dificuldades em me inserir dentro dos contos. E isso é bastante triste, vendo que já li outras obras do autor que gostei bem mais. 

Percebemos a qualidade e originalidade do autor em contar uma história cruas e que trazem aquela narrativa no estilo folclórico, cada história com temas que poderiam ser considerados, como o autor diz, gatilhos, ou inadequados para quem é muito sensível. Mas, o único deles que me inquietou foi o 'Detalhes de Cassandra', um bom conto no estilo "isso é tão black mirror" para danificar o cérebro. As demais foram esquecíveis.
Por fim, não recomendo a leitura dessa obra para leitores que estão começando a ler Neil Gaiman. Pode ser uma tentativa frustante. Segundo, o título da obra é um tanto enganoso, já que não traz tantas situações perturbadoras. Porém, se você já é um fã do autor, é mais provável gostar do livro, mas admito que seus romances são bem melhores.

E você, já leu essa obra?

Até logo,
Pedro Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!